Você é empático? Aprenda a praticar empatia para melhorar suas relações


O que é Empatia?

Empatia é a capacidade psicológica de se colocar no lugar do outro, é se imaginar na mesma situação e contexto de outra pessoa e sentir compaixão. Nem sempre se trata de identificação, mas da disposição para compreender o diferente, deixando de lado julgamentos e preconceitos.
Na prática, para ser empata é preciso muito mais do que ter um coração generoso e educação para lidar com as pessoas; é ter consciência de suas atitudes, pensar antes de falar, ter percepção da situação e ter atitudes convenientes. 
É muito legal ter generosidade e ajudar os pobres e necessitados, mas também é importante avaliar nossas relações sociais e exercitarmos nossa empatia em casa, no trabalho, na escola e nas ruas.  É válido ser uma pessoa do bem e tratar bem seus amigos, mas como você trata os estranhos ou aqueles que são muito diferentes de você?

A empatia é o que te impede de:


=> Excluir uma pessoa apenas porque ela é diferente de você;


=> Apontar os defeitos pessoais de alguém sem que este tenha lhe dado liberdade para isto;


=> Fazer piadas inconvenientes e preconceituosas;


=> Ignorar o sofrimento de alguém por achar que é frescura;


=> Reclamar de coisas banais ao lado de quem está com extrema dificuldade (saúde, financeira, relacionamentos);

=> Falar de gordura e dieta ao lado de obesos, sem que lhe tenham dado abertura para isto;

=> Fazer perguntas impróprias publicamente e deixar o outro constrangido;

=> Sentir inveja da felicidade alheia;

=> Maltratar um aprendiz ou subordinado;

=> Negar carona a seu vizinho que vai para o mesmo lugar que você;

Como ser mais empático?


Segue abaixo algumas dicas de como praticar a empatia:

=> Ignore o seu julgamento inicial e passe a ouvir mais as pessoas;


=> Entenda que ninguém sabe tudo e todos têm algo para ensinar;


=> Olhe mais nos olhos das pessoas e menos para o celular;

=> Compreenda que nosso corpo funciona de maneira diferente (cérebro, músculo, metabolismo, visão).

=> Às vezes é melhor respirar fundo do que discutir. Você não sabe pelo o que o outro está passando.

=> Dê palpites apenas para quem lhe pedir opinião;

=> Compreenda que somos influenciados pelo meio em que vivemos e nossas experiências, sendo assim, ninguém tem obrigação de ser igual a você;

=> Ofereça ajuda para alguém hoje – e todo dia;

=> Se não pode ajudar, então não atrapalhe;

=> Tire o foco de você e observe mais as pessoas. Amplie sua visão e percepção do que acontece ao redor de si.

Não confunda empatia com negação de si mesmo

Alguns pensam que praticar empatia é omitir-se diante de alguma situação, mas isto é um equívoco. Ser empata é respeitar a opinião do outro, mesmo quando for diferente da sua. É não exigir que seu ponto de vista prevaleça na marra ou na discussão. É se comunicar, mas saber a hora de parar de falar para ouvir.
Empatia é permitir que cada um seja o que é, sem querer moldar ninguém. É aceitar que o outro tem as próprias razões para pensar diferente e buscar uma alternativa para um bom convívio ou uma solução intermediária.

Os benefícios de se praticar empatia

O empata consegue estabelecer um equilíbrio entre o que se espera e o que o outro consegue oferecer, trabalha melhor em equipe e tem mais sucesso em relações interpessoais.
Além disso, desenvolve a tolerância, a sensibilidade, a capacidade de amenizar conflitos, a generosidade e a comunicação. Vale a pena praticar!

Erica Bosi

Comentários